March 9, 2016

Escrevo em gotas
A cada gota
Uma palavra
Um sentimento

Com o tinteiro de nuvens
Rabisco o céu
Chuvisco histórias

Que gota a gota
Desenham o chão
Histórias do céu

A cada gotícula
Novos lagos
Novos rios
Novos mares

O livro se constrói
Na enxurrada de palavras

Meço c...

March 9, 2016

O que acontece agora, além de gerúndios?

March 9, 2016

O universo é feito em prosa?

 

March 9, 2016

Um poeta, sem palavras, escreve o silêncio?

 

March 9, 2016

Onde não vivem os seres não vivos?

March 9, 2016

Já tiveste saudade do amanhã?

March 9, 2016

Vive
A sorrir
O pai

Explica a vida
Ri de problemas
Demonstra saudade
Felicidade

Cuida da mãe
Cuida da vida

Olha sereno
Emite bondade
Tranquilidade

Manda recados
Fala às nuvens
Fala à vida

Diz do amor
Da vontade

Sente a paz
Sente a vida

Vive
A sorrir
O pai

Vive
...

March 9, 2016

Eis a folha a chorar

 

O poeta que escreve sem folha 

Não diz o não dito 

Que jaz na imensidão do inimaginável 

Branco

 

Pretos, azuis e vermelhos escorrem 

Lágrimas

 

Eis o lápis a sorrir

 

O poeta que escreve em folha 

Tem o dito 

O imaginável 

Colorido

 

Verdes, azuis e vermelhos co...

March 9, 2016

Parece não passar o tempo 

Ao passar de teu olhar

 

Os gerúndios acalmando 

Querendo parar 

E vai parando 
Parando

Até parar

 

O tempo tem partido 

Ao parar em teu olhar

 

As almas refletidas 

O infinito a sonhar 

E é sonhado 

O sonho

A sonhar

 

A saudade faz sentir 

Ao sonhar teu olhar

...

March 9, 2016

É fácil falar de amor em poesia
Difícil é a leitura

Please reload

March 9, 2016

March 9, 2016

March 9, 2016

March 9, 2016

March 9, 2016

March 9, 2016

March 9, 2016

Please reload

Posts Recentes